Noticias

Técnico João Camargo Neto avalia grupo do Brasil no Mundial Sub-19 Feminino 29/04/2021 19:01

Já estão definidos os grupos do Mundial Sub-19 Feminino de Basquete que será disputado entre 7 a 15 de agosto, em Debrecen, na Hungria. A FIBA realizou o sorteio das 16 seleções participantes nesta quarta-feira (28) que resultou no Brasil no Grupo C junto com Espanha, França e Coreia do Sul. A definição das equipes foi por classificação do ranking já que a AmeriCup, torneio classificatório, teve de ser cancelada devido à pandemia.

O projeto da Seleção Brasileira Sub-19 Feminina tem como técnico João Camargo Neto (KTO/Blumenau), que é assistente de José Neto na seleção adulta e o responsável por implementar o método de trabalho na base. Camargo fez uma avaliação sobre as adversárias e falou da importância da seleção retornar a um mundial da categoria.

“A escola espanhola é muito forte e difundida no mundo todo, a escola francesa também é uma referência e faz um grande trabalho na base, nós estamos acompanhando bem esses dois trabalhos. A Coreia do Sul joga muito em velocidade e transição, nós teremos um desafio grande e muito bom. Nossa expectativa é de fazer uma preparação forte, chegar bem na competição em agosto e tentar buscar uma vaga entre os oito. Não vou negar que é muito difícil, mas é uma oportunidade maravilhosa de retornar ao Mundial, mostrar o trabalho que estamos fazendo no Brasil e dar experiência e bagagem internacional para as atletas”.

A seleção feminina sub-19 já vem se preparando desde o ano passado, quando fez um primeiro acampamento com os melhores talentos do país e, neste ano se reuniu em um período de treinos, em Araraquara (SP), visando AmeriCup antes do cancelamento.

Além de Camargo, outros catarinenses também fazem parte da preparação. Assim como na equipe adulta de Blumenau, Bruna Rodrigues é assistente de Camargo na seleção, contribuindo com sua experiência de anos como técnica da base no basquete catarinense. Base que teve representantes entre as atletas convocadas no acampamento deste ano como Letícia Rechemback (Criciúma) e Stephany Gonçalves (ex-SGJ Joinville, atualmente no Santo André), além da pivô Pétula Ferreira e a ala Diana Mozer no Sul-Americano Sub-17 em 2019 (na época, ambas atuavam pelo Basquete Jaraguá).

Texto: Lucas Inácio / FCB
Foto: Divulgação CBB (janeiro de 2021)

+ NOTÍCIAS
Área do Clube Área do Oficial